Quem quiser nascer tem que destruir um mundo; destruir no sentido de romper com o passado e as tradições já mortas, de desvincular-se do meio excessivamente cômodo e seguro da infância para a conseqüente dolorosa busca da própria razão do existir: ser é ousar ser."

Herman Hesse

Comentários

  1. Espiga, sorte minha ter vindo aqui, cara. Ao ler este trecho de Herman Hesse senti o meu coração meio que disparar. Bobagem, né? Mas senti. Não digo que concordo nem que discordo. Apenas posso afirmar que isso me fez pensar; e ficarei pensando...

    Convido para que veja e comente o meu Armelau no http://jefhcardoso.blogspot.com/

    “Que a escrita me sirva como arma contra o silêncio em vida, pois terei a morte inteira para silenciar um dia” (Jefhcardoso)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Os 7 Níveis de Consciência Espiritual

O Corvo e a Coruja

Veles Deus de Chifres Eslavo